sexta-feira, abril 22, 2011

Um Beijo do Destino, de Mary Jo Putney (Romance Histórico)

Enquanto as duas poderosas nações e o destino travam seu embate, Gwynne e Duncan precisam levar seus poderes e paixões além dos limites mais proibidos, para salvar o amor e proteger o futuro. 

Título Original: Kiss of Fate
Autor: Mary Jo Putney
Editora: Bertrand
Série: Guardiões (livro 1)
Gênero: Romance Histórico
Sub-Gênero/Assunto: Guerra, Paranormalidade, Magia, Fantasia
Período: Escócia. Séc. 18

Líder de um poderoso e ancestral clã escocês, Duncan Macrae está determinado a dar um fim aos históricos conflitos entre a Escócia e a Inglaterra. Senhor do Trovão, detém os poderes secretos de um Guardião — ser humano com capacidade mística para controlar as forças da natureza e ler o coração das pessoas. E quando conhece a jovem e independente viúva inglesa Gwyneth Owens, seu espírito ardente é irremediavelmente atraído por uma paixão que colocará sua lealdade à Escócia contra seus votos como Guardião e ameaçará tudo que ele mais ama.
Enquanto as duas poderosas nações e o destino travam seu embate, Gwynne e Duncan precisam levar seus poderes e paixões além dos limites mais proibidos, para salvar o amor e proteger o futuro.





Um Beijo do Destino é o tipo de livro que tinha tudo para ser um favorito mas infelizmente isso não aconteceu. Não senti ‘liga’ com a estória, por assim dizer.

Apesar da capa (belíssima, por sinal), a estória não se passa na Era Medieval, mas sim em meados do século 18, antes da Revolução Francesa, na época das Revoltas Jacobitas, durante a Guerra Civil entre Inglaterra e Escócia.

A estória começa quando a jovem viúva inglesa Gwynne Owens conhece o poderoso Escocês Duncan Macrae. Apesar de ser filha de um Guardião (seres humanos com poderes mágicos), Gwynne acredita que não tenha poder algum. Por outro lado, Duncan é um poderoso Guardião, um Senhor do Tempo, capaz de controlar o clima.

À princípio, Gwynne tem um pouco de medo de Duncan e de todo o poder que ele praticamente exala. Contudo, quando um beijo é trocado entre eles, ela passa a ter visões horríveis de sangue e morte.
Receosa, ela vai pedir ajuda ao conselho dos Guardiões. É então que ela recebe uma missão: casar-se com Duncan e impedi-lo de interferir na Guerra que está iminente no mundo dos mundanos (os seres humanos ‘comuns’, sem poderes mágicos). Os velhos guardiões têm medo de que o sangue escocês de Duncan fale mais alto que o seu dever como Guardião.

E então, Gwynne e Duncan se casam e ela sabe que chegará o dia em terá que trair o marido em nome de um bem maior.

Vista deste modo sucinto, a estória de Um Beijo do Destino é até muito interessante, mas a forma como ela ocorre não me animou. O meu maior problema, aliás, não está na condução da estória, exatamente, mas sim na personagem principal. Eu simplesmente não consegui simpatizar com ela.

Gwynne me pareceu uma personagem sem conflitos, por mais estranho que isso seja. Tive a impressão que ela aceitou tudo muito facilmente, como se o fato de que em algum momento ela teria que trair o marido não fosse tão horrível assim.

Apesar de o livro estar praticamente todo sob o ponto de vista de Gwynne, achei o personagem de Duncan muito melhor desenvolvido. Nele sim, pude sentir a dor da dúvida entre lutar pela sua terra e manter os votos de Guardião. Duncan é com certeza um personagem muito mais interessante (e altamente sexy e hot, diga-se de passagem). Duncan é um homem corajoso e poderoso, mas nem por isso perfeito- o que o torna muito mais real e pautável.
*
Mary Jo Putney tem uma escrita simples e leve, de fácil entendimento. Apesar de o livro ser basicamente uma fantasia romântica, a autora fez a sua lição de casa no tocante ao pano de fundo, as Revoltas Jacobitas. O elemento Histórico está lá, mas não é apresentado de forma professoral ou maçante.

O ritmo da leitura é bom, porém, irregular. A princípio, achei a leitura um pouco devagar demais- parecia que não iria chegar a lugar nenhum (pensei em até em abandonar a leitura, veja que horror!). No meio do livro, a leitura ( e a estória em si) ficou muito mais ágil e mais interessante- porém, ao final, senti que a autora acelerou um pouco demais. Por exemplo, o momento em que Duncan descobre sobre a verdadeira razão de Gwynne ter se casado com ele ( e mais umas coisinhas mais que eu não vou contar, tá?:D) acontece tão rápido (tipo, uma frase!) que eu tive que, literalmente, voltar para ler de novo. Sim, um dos momentos cruciais da estória quase passou batido por mim!

Como já disse anteriormente, Duncan é um personagem extremamente sexy e os ‘interlúdios românticos’ entre ele e Gwynne transbordam sexualidade- senti, contudo, a falta de mais amor ‘romântico’. Ou simplesmente, amor mesmo.

*SPOILER*
Em nenhum momento eles dizem que se amam!
*SPOILER*

Outro ponto que acho que ficou faltando foi uma melhor explicação do que são os Guardiões, o que eles fazem, qual a relação deles com os seres humanos ‘normais’. Não que isso seja algo que afete diretamente a estória mas acredito que ajudaria um melhor entendimento dos personagens- sem contar, é claro, que eu fiquei curiosa!

Apesar de tudo, como um todo, Um Beijo do Destino foi sim uma leitura até que divertida- e mesmo com essa minha opinião (pessoal) em relação a alguns aspectos da obra, eu acho que este livro irá agradar a muitos.
De qualquer forma, vale a conferida.

**
Ah, e gostaria também de ressaltar que este é um dos poucos Romances Históricos de livraria a venda no Brasil. A editoras nacionais deveriam investir mais no gênero aqui no país. Também espero, sinceramente, que a Editora Bertrand lance os dois outros volumes da série.

Onde Comprar: Submarino|Americanas|Livraria Cultura||Saraiva

Outras Capas:
A capa da edição italiana é do tipo Nada a Ver!

Além das roupas não serem do séc. 18 , é dito zilhares de vezes no livro que Gwynne é ruiva.

ETCs

Série: Guardiões (Guardians)
Livro 1- Um Beijo do Destino-
Livro 2- Stolen Magic (Inédito no Brasil)- conta a estória do amigo de Duncan, Simon, Lorde Falconer
Livro 3- Distant Magic (Inédito no Brasil)- conta a estória da irmã caçula de Duncan, Jean


EXTRAS
Site da Autora: http://www.maryjoputney.com/
Facebook FanPage http://www.facebook.com/MaryJoPutney
Twitter: http://twitter.com/MJPutneyNews

Cotação:
3/5

Reações: