terça-feira, abril 10, 2012

Amante Desperto, de J. R. Ward [IAN 3]


Título Original: Lover Awakened
Autor: J.R.Ward
Editora: Universo dos Livros
Gênero: Fantasia
Série: Irmandade da Adaga Negra- Livro 3
Sub-Gênero/Assunto: Suspense, Vampiros, Imperfeições, Segunda Chance
Período: Atual. Caldwell, Nova York.
Zsadist foi por muito tempo um escravo de sangue, e por isso, ainda carrega as cicatrizes de um passado repleto de sofrimento e humilhação. Conhecido por uma fúria que não acaba e por atos sinistros, ele é um selvagem, temido igualmente por humanos e vampiros. A raiva é sua única companheira e o terror, sua única paixão... Até que resgata uma bela vampira das garras da maligna Sociedade Redutora. Bella sente-se imediatamente enfeitiçada pela ardente força que emana de Zsadist. Entretanto, mesmo quando o desejo de ambos começa a consumi-los, a sede de vingança de Zsadist contra os torturadores de Bella o leva à beira da loucura. Agora, Bella deve ajudar seu amante a superar as feridas de seu atormentado passado e vislumbrar um futuro ao lado dela...

ESTA É UMA RESENHA SPOILADA
***OU SEJA,CONTÉM SPOILERS. SE VOCÊ NÃO LEU O LIVRO E NÃO QUER SABER DETALHES IMPORTANTES SOBRE O QUE ACONTECE, É MELHOR PARAR DE LER AGORA MESMO!***




Z.Z.Z. Ah,  Zsadist! Não sou uma aficionada, nem particularmente prefiro os bad boys mas o Z... ah, o Z é um caso totalmente diferente. Como eu adoro esse vampirão marrento!

No geral, como literatura, Amante Eterno ainda é o livro que eu mais gostei- até agora. Porém, Amante Desperto está, com certeza, na lista dos meus favoritos. E não por que é a estória do meu Irmão favorito mas por que o livro é muito bom mesmo. Eu apenas acho que, comparado com Eterno, ele perde um pouco na questão do ritmo.

Zsadist é um personagem complexo, cheio de nuances e, sim, delicadezas, que fazem dele um ser irresistível. A dor dele é quase palatável, mas não de forma óbvia. J.R. Ward é muito feliz em não nos entregar Z de “cara”- ele é revelado pouco a pouco. As cenas de flashback em que ficamos conhecendo mais sobre os dias como escravo são reveladoras e terríveis. Não são cenas fáceis de ler, mas ao mesmo tempo não são grosseiras ou gratuitas.

Nos livros anteriores, é dada a impressão de que Z é um ser soturno e que odeia a tudo e todos. Não que esta visão esteja totalmente errada mas aqui a gente percebe que quem-ou o quê- ele mais odeia, mais despreza é a si mesmo. No meu ponto de vista, esta é a maior dor do personagem. De uma forma distorcida e cruel, ele pensa ser contaminado. Sem salvação. Ou pior, que ele não merece uma salvação.

"Ele a encarou com um olhar desvairado, enquanto continuava a balançar e esfregar, balançar e esfregar. A pele ao redor das negras faixas tatuadas estava completamente vermelha, em carne viva.
-Zsadist?- controlou-se para manter seu tom de voz suave e estável .- O que está fazendo?
-Eu...eu não consigo me limpar. Não quero que fique suja também- ergueu o pulso e o sangue escorria pelo antebraço.- Está vendo? Olhe essa sujeira. Estou coberto por ela. Está dentro de mim."

A relação dele com Bella é forte e intensa e desde o início já é possível perceber que é muito mais do que mera atração física. Eles se amam perdidamente e isso transparece não apenas através de meias palavras, mas de ações e atitudes, mesmo que essas não sejam escancaradas. Isso talvez seja o que eu mais gostei no livro, ou melhor dizendo, na escrita de Ward: a não obviedade. Ela escreve uma história de amor carregada de paixão e erotismo sem necessariamente utilizar “Eu Te Amo’s” a cada sentença.

Além do foco principal, que seria a estória de Z e Bella, a autora também começa a dar melhores contornos na saga como um todo. A parte vilanesca, como eu gosto de chamar está começando a ficar mais interessante.

Infelizmente, eu já sabia sobre a morte Wellsie (está na sinopse do Guia. #Ódio). Não chorei, mas fiquei bastante triste e não pude deixar de pensar: WTF, WARD?!

O ponto negativo do livro, a meu ver, foi o excesso de referências ao tamanho do “equipamento” de Zsadist e sua quase que “eterna” posição de sentido. Não estou me referindo aos momentos descritos enquanto ele era um escravo- ali a questão era sexual e de humilhação, não de erotismo. Estou falando das cenas com Bella mesmo. Apesar de eu ter gostado bastante das cenas de sexo, achei que a overdose de menções ao estado alerta dele beirou quase ao vulgar.

Eu tinha muito mais pra falar mas acho que isso é suficiente.

Ah, e sorte da tal Ama que ela já esteja "morrida". Ou então eu mesma entrava dentro do livro e dáva-lhe uma sova! Mulherzinha desclassificada! Humpf!

Amante Desperto é um livro intenso, sexy e apaixonante.


"De repente, ele parou e afastou-se de sua boca. Arquejava e tinha as faces coradas quando a olhou nos olhos.
E, então, sorriu para ela."



Zsadist-in-Blue, by smvgrey


A Edição:

De forma geral, a edição está okay, apesar, da gritante suavização das palavras de baixo calão, E dá-lhe Cara e Caraca!
Eu tenho também que comentar sobre o excesso de cola na brochurra. A mão fica toda melada. [Ver Imagem]

A minha edição está completa, porém, os livros da primeira edição vieram sem o epílogo. O mesmo foi incluído (após reclamações) como prólogo no quarto livro da série, Amante Revelado. Sem comentários, né? :/

Sobre a Capa:
Eu até gostei da capa. Achei a foto boa, assim como a cor empregada. Apenas a baba de sangue escorrendo da boca de Bella que não fez- e faz- muito o meu gosto. Contudo, é interessante destacar que esta é a terceira capa proposta para a versão brasileira do livro. Honestamente, não lembro muito bem da celeuma provocada à época mas a super Lilian, do Lá no Cafofo, PHD em IANLOGIA, me falou que a editora queria lançar uma capa com Z e a Ama! Tipo...PQP, né?

Photobucket


Esta é a outra capa que foi rejeitada.


Photobucket



A Série
Livro 1- Amante Sombrio (Dark Lover[RESENHA]
Livro 2- Amante Eterno (Lover Eternal [RESENHA]
Livro 3- Amante Desperto(Lover Awakened )
Livro 4- Amante Revelado(Lover Revealed )
Livro 5- Amante Liberto (Lover Unbound )
Livro 6- Amante Consagrado ( Lover Enshrined)
Livro 6.5- Father Mine: Zsadist and Bella's Story - no Brasil, a pequena estória foi publicada no Guia Oficial como “faixa bônus” .
Livro 7- Amante Vingado (Lover Avenged )
Livro 8- Amante Meu (Lover Mine)
Livro 9- Amante Libertada Lover Unleashed - Pré-Venda no Brasil
Livro 10- Lover Reborn -
Livro 11- Previsão de lançamento, nos EUA: 2013.

A série ainda conta com um Guia Oficial, escrito pela própria autora.




Outras Capas:
Como eu disse, eu gostei da capa brasileira mas é o modelo na segunda capa que melhor representa o Z que eu imagino. O meu Z.:)

ETCs
Videos
BookTrailer [Nacional]





EXTRAS

Site do Autora: www.jrward.com/bdb
FanSite IAN http://iadaganegra.blogspot.com.br/ [em Português]
Wiki wiki/Black_Dagger_Brotherhood [em Inglês]
Facebook facebook.com/JRWardBooks



Cotação:
5/5



Qualquer erro por favor me avisem! ;)

Reações: