quinta-feira, agosto 02, 2012

O Verão das Rosas, de Luanne Rice


Título Original: Summer of Roses
Autor: Luanne Rice
Editora: ARX
Gênero: Romance Contemporâneo
Sub-Gênero/Assunto: Segunda Chance, Abuso, Imperfeições, Família, Drama
Período: Contemporâneo. EUA e Canadá
Mara Jameson teve uma vida marcada pela perda precoce dos pais, mas foi recompensada pelo destino ao ser criada por sua carinhosa e forte avô, Maeve. Tornou-se uma linda e talentosa mulher, que, apaixonada, casou-se com o enigmático Edward Hunter, o que marcou para sempre sua história. Grávida, Mara precisou fugir para garantir sua sobrevivência e encontrou no simpático vilarejo de Cape Hawk uma nova vida, a começar por um novo nome - Lily Malone. Lá, nasceu sua filhinha, a delicada Rose, e ela encontrou mulheres tão corajosas quanto ela e a possibilidade de um amor verdadeiro, o oceanógrafo Liam. Nove anos depois, quando a vida de sua avô está em risco, ela retorna à sua cidade natal e vai confrontar seus piores medos do passado. O que Lily não sabe é que os poderes do amor e da amizade são capazes de superar o mal.



O Verão das Rosas é mais um daqueles livros sobre os quais eu não sei o que escrever. Foi o tipo de leitura que conteve elementos que me emocionaram muito, mas também teve outros que deixaram um pouco a desejar.

O livro trata de um tema difícil, o abuso doméstico. Mas não a violência física, mas sim a psicológica que pode ser tão ou mais cruel.

O Verão das Rosas também é sobre reencontro e acerto de contas de Mara Jameson com seu passado.

Nove anos atrás, grávida, ela fugiu do marido violento, mudou de nome e de cidade. Quando a avó adoece, ela resolve voltar, já com um novo nome- agora chama-se Lily Malone, tem uma filha e encontrou um novo amor.

Luanne Rice sabe tratar um tema pesado como o abuso doméstico com delicadeza impar e ainda fazer paralelo com a estória de baleia que aparece na Costa do lugar. É engraçado como elementos tão díspares se encaixem totalmente na trama e fazem todo o sentido.

Verão das Rosas é como uma colcha de retalhos onde vários personagens se cruzam e tem as estórias interligadas. O livro mostra como o abuso , a violência pode destruir não só a vítima mas as pessoas que estão a sua volta; é como uma teia.

Mara/Lily é uma mulher forte que fará de tudo para pela segurança de sua filha. A sua relação com o oceanógrafo Liam é adulta e primeiramente baseada na amizade. Mara está em uma nova fase de sua vida. Ela já encontrou o seu final feliz e irá lutar por ele. Por mais que o passado tenha sido difícil e ainda a esteja assombrando, ele não faz mais parte da vida dela. Mara é livre.

O mesmo não pode ser dito à respeito de Marisa, uma outra vítima de abuso que apesar de ter escapado de seu algoz não conseguiu que ele saísse dela. Marisa continua presa ao passado e ao que sofreu. Eu gostei muito de Marisa, de sua luta para se libertar de si mesma e sua relação com o ex-policial Patrick que faz tudo para ajudá-la.

Eu gostei que a autora mostrou a questão do abuso de angulo diferente, do pós-trauma, porém senti falta de uma maior explicação de como era o casamento de Mara e também de Marisa. Por se tratar de abuso psicológico ficou tudo muito no ar de como era realmente o casamento, como era o tratamento sofrido por essas mulheres. Como este livro é na verdade a sequencia de Summer’s Child , talvez , na verdade, com certeza, se eu tivesse lido o primeiro livro esta questão tivesse sido melhor apresentada.

O livro tem passagens lindas e muito tocantes, possui fluidez e ritmo. O Verão das Rosas é um livro sóbrio que só se perde um pouco ao final, o qual achei um tanto quanto piegas. Não o final em si que foi muito bonito, mas a cena do tribunal ficou parecendo aqueles filmes feitos para TV com a mensagem “educativa e emotiva” no final. Achei forçado.

Este é o segundo livro que leio de Luanne Rice, Dance Comigo foi o primeiro e ainda é o meu favorito, e com certeza não será o último.

Com tema difícil mas abordado de forma inteligente e não de maneira pesada, Verão das Rosas é uma boa leitura.

Recomendo.


Série

O livro não faz parte oficialmente da série Hubard’s Point mas a localidade, assim como vários personagens,  aparecem em muitos livros da autora.
Como eu mencionei na resenha, O Verão das Rosas é continuação de Summer's Child. Eu fiquei sabendo disso pela própria autora no twitter. E pelo que pude apurar o livro não foi lançado no Brasil. Nem precisa dizer que fiquei irritada, né?

Capa Original:




Site da Autora: luannerice.net

Cotação:
3.5/5

Reações: