segunda-feira, dezembro 12, 2016

[Resenha] Doce Imperfeição -L.M Gomes


“Pedro Castro tem a convicção de que nada além do hoje importa. Viver intensamente da forma que lhe convém é sua principal regra, se prender é perda de tempo. Dono de uma espontaneidade e sinceridade cortantes, Pedro não está disposto a ceder. Seu único ponto fraco, é a família com a qual seu irmão, Rafael Castro lhe presenteou. Visceral e extremamente confiante, ele só não contava que seu maior desejo acabasse sendo o mais difícil de realizar...

Adriana Vieira acredita na lei do retorno, que tudo é só uma questão de tempo. Sem perder o foco, ela se vê apaixonada pelo irmão do namorado de sua melhor amiga. Pedro aos seus olhos é a síntese perfeita de problema, uma revolução e contradição irresistíveis, uma doce imperfeição. Se agarrando ao seu amor próprio, ela quer provar para Pedro que nada é por acaso, que o mundo gira para todos e não há garantias de se manter no eixo, quando o caminho escolhido, é o amor.

Uma trégua, um caminho, e a descoberta de que o sentimento mais precioso acontece quando nos permitimos enxergar o perfeito dentro da imperfeição.”


Simpática história de amor.

Continua de Em Um Instante...Tudo Pode Mudar, Doce perfeição conta a história de amor entre Pedro, irmão do mocinho do livro anterior, e Adriana, melhor amiga da mocinha. É, “tudo em família”.

O início da relação de Pedro e Adriana é um pouco conturbado. Os dois tiveram uma “noite intensa” juntos (estou sendo phyna aqui, tá?) , dawquele tipo de sexo inesquecível. O problema é que Pedro se apresentou como Gustavo e, bem, quando Adriana ficou sabendo quem ele era realmente não ficou nem um pouco feliz.
Tudo, é claro, poderia ser apenas um incidente do passado se Pedro não fosse o cunhado da melhor amiga de Adriana e, junto com ela, padrinho do pequeno Dudu.

Adriana faz de tudo para ignorá-lo mas Pedro é daquele tipo de pessoa que não larga o osso: ele quer Adriana. A questão é que ele a quer ao mesmo tempo que não gostaria de se comprometer.

De início, não gostei do pedro. Ele é aquele típico boyzinho já crescido que se acha o gostosão e tá pouco se lixando para o sentimento dos outros. Não que Pedro fosse mesquinho ou mau, sua relação com o sobrinho e afilhado Dudu é uma graça, mas o modo como ele quer simplesmente levar Adriana pra cama não nem um pouco lisonjeiro.

Adriana até esse momento é aquele tipo de mocinho que não fede nem cheira; não é incrível mas também não compromete.

Neste momento, vocês devem estar pensando, Nossa, que droga de livro. Muito pelo contrário. Sim, Pedro é um idiota...mas ele muda, e é o processo de mudança dele que faz a leitura de Doce Imperfeição tão especial. Não é uma mudança da noite pro dia- e claro, o amor está envolvido, mas não só ele. Mais do que a paixão por Adriana, Pedro torna-se amigo dela e isso faz toda a diferença.

O livro é uma graça, daqueles romances deliciosos de se ler, nos quais a gente torce loucamente pelo final feliz. Eu já tinha gostado do outro livro da autora e neste ela não me decepcionou. Sua escrita é leve e dinâmica, O única senão ficou pelo excesso de cenas de sexo. Honestamente achei cansativo e desnecessário. Destoou.

De qualquer forma, é uma leitura que vale muita a pena, especialmente se você for apaixonado por romances leves e envolventes.

Conheci a autora na ùltima Bienal de São Paulo e ela foi super simpática- só espero que haja um livro sobre Bianca e Márcio.


Recomendo!



Série:
Livro 1: Em Um Instante...tudo pode mudar
Livro 2; Doce Imperfeição

Título Original: Doce Imperfeição
Autor: L.M. Gomes
Editora: Qualis
Série Irmãos Castro- Livro 2
Gênero: Romance Contemporâneo
Sub-Gênero/Assunto: Amor e ódio, Hot
Período: Atual. Brasil.

4.5/5
 photo Thais1_zpssfusghrx.gif

Reações: