quarta-feira, dezembro 02, 2015

[Resenha] Sedutor - Christina Lauren


“Mia Holland, depois de comemorar sua formatura em um louco final de semana em Las Vegas, fica aterrorizada com as escolhas que terá de fazer nessa nova etapa da vida. Ela toma, então, uma decisão selvagem: partir para a França seguindo os passos de Ansel Guillaume, um homem envolvente e extremamente sedutor.

Por trás de todas as brincadeiras sensuais de Mia e Ansel, sentimentos começam a surgir. Nesse momento, ela precisa decidir se retorna para a vida que deixou ou se entra de cabeça nessa aventura ardente e arrebatadora que acabou de descobrir... ”



Sexy e divertido,mas eu esperava mais.

Dentre os livros eróticos lançados nos últimos tempos, a série Beautiful Bastard, da dupla de autoras Christina Lauren, é uma das minhas favoritas. Os livros não são somente sensuais mas abusam de um humor especial, o que acaba por fazer a diferença em relação à tantos outros livros do gênero. Um gênero assolado de clichês, diga-se de passagem. E foi justamente a possibilidade de (re)encontrar um história, antes de mais nada, divertida que me fez querer Sedutor.
Porém, apesar deste livro ter elementos similares ao da outra série não tem o mesmo “sabor”.

Sedutor é o primeiro livro da série Selvagem Irresistível (achei o nome péssimo pois confunde com os títulos da Beautiful Bastard- que também é de chamada no Brasil de Cretino Irresistível- e induz o leitor ao erro. Isso sem contar o "Selvagem Irresistível" gigante na capa. Na primeiro vez que vi achei que o nome do livo era Sedutor Selvagem Irresistível!) no qual o ponto de partida que três amigas fazem para comemorar o término da faculdade. As histórias são justamente sobre essa viagem- e suas consequências.

Neste primeiro livro, Mia Holland é a personagem principal. Das três amigas ela é a mais centralizada e a única com o destino certo após aquela viagem. Aliás, a viagem à Las Vegas era para ser um último suspiro de liberdade na vida de Mia. Toda sua vida ela quis ser bailarina, porém um grave acidente destruiu seus sonhos e mesmo ela tendo uma mente artística, irá fazer um MBA em Administração em uma faculdade de Boston. Afinal. É o que o pai espera dela.

É por isso que, naquele final de semana em Vegas ela resolve se permitir a beber e fazer o que lhe der na telha. É aí que ela conhece Ansel Guillaume, um charmoso advogado francês que está na cidade acompanhado de 2 amigos.

Como é a temporada de chutar o pau da barraca, Mia não simplesmente mete o pé na jaca, ela mergulha inteira! E o sex-fest trás algumas surpresas no dia seguinte, mas entre elas está o fato de que Ansel a convida para passar as férias de verão em Paris- com ele- até ela voltar e ir estudar em Boston.
Pára Tudo!

Tá certo, o Ansel era um tudo de bão-gostoso-hot E com sotaque (!) mas fala sério, quem iria para um país estranho, com uma língua estranha, com um homem que acabou de conhecer. Tudo bem que o sexo tenha sido fantástico, mas possibilidades de isso dar errado são ENORMES.

Mas, claro, não estamos falando de vida real e Mia parte para a França, alegre e contente.

Bem, o que dizer? O livro é legal, divertido até, porém,talvez pelo fato de ser narrado pela Mia, o humor não é tão incisivo, irônico. Parece um pouco estranho falar isso, principalmente por se tratar de um livro erótico mas achei que
Sedutor tinha sexo demais. Não me levem a mal, eu gosto de livros do Gênero (quando não são mal escritos) mas achei que as autoras se focaram muito no lado sexual da coisa e perderam a chance de desenvolver uma história bem interessante.

Por se tratar de um erótico, achei até que Ansel e Mia foram bem delineados, porém a vida dos dois em Paris poderia tersido muito mais trabalho. Ali tinha elementos incríveis para um romance ótimo. Sim, um pouco de drama é adicionado à equação (e sim, o teria feito mesmo que a Mia! Erro gravíssimo do Ansel!) mas foi pouco pelo que poderia ter sido. O sexo atrapalhou. Ou, pelo menos, não deveria ter sido o ponto principal.

No geral, Sedutor é um livro divertido e gostoso de se ler. O humor, mesmo que não tenha sido aquele que eu esperava, está presente e dá uma boa aliviada em todo o sexo. Além disso, o livro possui personagens interessantes e fáceis de se gostar. Apesar de ser um pessoa insegura em relação ao futuro e à relação com o próprio pai, Mia não é uma tola virgem e indefesa- e Ansel, bem Ansel é um charme só.

Sinceramente, Sedutor não foi como eu esperava, mas mesmo assim valeu a pena a leitura e, sim, eu quero ler os outros livros da série.

Fazer o quê? Fiquei curiosa! :D



Título Original: Sweet Filthy Boy
Autor: Christina Lauren
Editora: Universo dos Livros
Série Selvagem Irresistível
Gênero: Romance Contemporâneo
Sub-Gênero/Assunto: Erótica, Hot, Humor
Período: Atual. Las Vegas e San Diego, EUA, e Paris, França.

Outra Capa:





3.5/5

 photo Thais1_zpssfusghrx.gif

Reações: