sábado, julho 25, 2009

Muito Mais Que Uma Princesa, de Laura Lee Guhrke (Rom. Hist.)


Muito Mais que uma Princesa





Título Original: She is No Princess
Autor: Laura Lee Guhrke
Editora: Essência/ Planeta
Série: Sequência/ Spin-off de His Every Kiss (a história de Dylan e Grace)
Gênero: Romance; Romance Histórico
Sub-Gênero/Assunto: Romance Histórico, Realeza.
Período: Regência
Sinopse:

Filha ilegítima de um príncipe e de uma famosa cortesã, Lucia viveu confinada em escolas e conventos durante a maior parte de seus vinte anos. Mas a austeridade dos ambientes não a impediu de provocar um escândalo depois do outro. Exasperado, o príncipe Cesare de Bolgheri decide que a filha deveria se casar - e quanto antes. Controlar Lucia passaria a ser problema do marido. Para arranjar o casamento, Sir Ian Moore, o mais respeitado diplomata britânico, é chamado às presas de uma missão na Anatólia. De volta à Inglaterra, ele promete a si mesmo que achará um marido para Lucia em poucas semanas, mas logo vê que sua experiência de diplomata talvez não seja suficiente para quebrar a resistência da moça. Apesar de não faltarem candidatos convenientes à nobreza e ansiosos para dividir o leito com uma jovem tão atraente, nenhum está à altura do espírito e da paixão de Lucia. Como convencer Lucia a casar-se por imposição do pai, e não por vontade própria? Será que algum acordo é possível quando é o amor que está em jogo? Sir Ian descobrirá que, muitas vezes, é mais difícil negociar com uma mulher do que com chefes de Estado.

“Sem conseguir tirar os olhos daquela boca deliciosa, Ian pensava que nenhum homem que conhecesse aquela moça se importaria com os requisitos convencionais de beleza. As damas da sociedade iriam falar horrores a seu respeito, mas, para qualquer homem que não fosse cego, Lucia Valenti era o mais puro deleite.
Ian respirou fundo. Dava para entender por que o pai a tinha trancado num convento.”


“Ele não era nem pouco como ela havia imaginado. Enquanto descia a escada. Lucia pensou em Ian Moore como um sujeitinho melífluo, do tipo que se derretia em charme e dizia frases meladas que não significavam nada. Ao ver o diplomata britânico de pé ao lado da estante, porém, ela parou abruptamente. Tinha que admitir que ele era bem bonito para um inglês – e o seu ardente coração italiano não podia deixar de aprovar aquela esplêndida masculinidade.”




***
!



Esse livro é uma delícia! Romântico, divertido, sexy...Devo confessar que Lucia me irritou um pouco no começo. Achei-a bem chatinha nos primeiros capítulos. Mas isso logo muda. Com o passar das páginas ela se torna mais humana, agradável. Tem um pequeno detalhe que me intrigou: no começo do livro, a autora menciona que Lúcia nunca chora. Porém, bastão alguns capítulos e. Lúcia vive chorando! Até mesmo Ian comenta como ela chora tanto. 0.o Será que a autora esqueceu-se do que tinha escrito?
Outro detalhe que me incomodou foi os 'apagar/acender a luz' , 'achar a lâmpada', apagar a lâmpada'...O livro se passa durante a era da regência. Portanto, numa margem bem folgada, de 1800 a 1830, mais ou menos. Thomas Edison criou a lâmpada incandescente, e por conseqüência, a luz elétrica em 1879. Então...Não sei se foi um problema de tradução mas seja o que for, foi um deslize.

Mas deixando de lado esses intempéries, o livro, como eu disse antes, é uma delícia. Você simplesmente não consegue parar de ler. Ele tem partes tão escandalosamente românticas, mas não bregas ou piegas, que quando você se dá conta seus olhos estão marejados. E não por tristeza, mas por pura e simples emoção.

A minha personagem favorita é Ian. Em minha opinião, é a personagem mais forte do livro. Ele vive preso naquele modelo de perfeição, de dever mas nós conseguimos perceber a cada linha a paixão- a dor- dentro dele. E quando 'aquilo' (não vou contar, né? :P) acontece, estamos diante de um homem abismado, perdido.

Então você é humano, afinal de contas! diz-lhe seu irmão, Dylan. Ah! Claro que ele é. Apenas estava sendo duro demais consigo mesmo.

Em suma, Muito Mais que uma Princesa é uma ótima leitura. Eu havia lido Nosso Amor de Ontem da mesma autora e odiei! Mas neste aqui ela está de parabéns.
Agora eu só espero que publiquem logo His Every Kiss, que é a história de Dylan e Grace.

Minha Cotação:

!!!

Reações: