quarta-feira, julho 13, 2011

Post 200: Jogue Sujo, de Sandra Brown. [Romance Policial]

Este é o post 200 do Blog! Para 'comemorar'nada melhorar que a resenha de um livro de uma das minhas autoras favoritas! :)
Título Original: Play Dirty
Autor: Sandra Brown
Editora: Rocco
Gênero: Suspense Romântico
Temas: Crime e Mistério, Adultério
Período: EUA. Atual
Griff Burkett é um apostador compulsivo e ex-atleta de futebol americano que, ao deixar a prisão, recebe uma proposta irrecusável. Um bilionário paralítico lhe oferece 100 mil dólares para engravidar sua esposa, 500 mil quando ela engravidasse e mais um milhão a cada aniversário da criança. Uma chance de ouro se o vingativo Stanley Rodarte não estivesse disposto a acertar contas com ele.A situação fica insustentável quando Rodarte descobre que Burkett está saindo com a esposa do bilionário paralítico. À medida que o relacionamento de Burkett e Laura deixa de ser meramente profissional, Rodarte aperta o cerco ao ex-jogador e a trama de Sandra Brown fica ainda mais instigante.






Não sei ao certo o que achar de Jogue Sujo . Por alguns momentos, achava a trama inverossímil demais, e , pra ser honesta, a trama, a meu ver,  demorava a engrenar mas, ao mesmo tempo, eu simplesmente não conseguia parar de ler. A escrita de Sandra Brown é simplesmente viciante.

A estória começa com Griff Burkett saindo da cadeia, após 5 anos. Ex- astro do Futebol Americano, ele é uma estrela caída, sem amigos, colegas ou propostas de emprego. Para piorar, ainda pousa sobre ele um assassinato (nada foi provado mas muitos pensam que ele é o culpado). Sem alternativas, de repente, ele se vê diante de uma proposta no mínimo bizarra: Foster Speakman, um bilionário paralítico quer que ele, Griff, engravida sua mulher , Laura. Ah, engravide pelo método natural. À princípio, Griff recusa proposta tão absurda mas depois acaba aceitando- afinal, o ‘pagamento’ é bom demais: 100 mil dólares no ato, 500 mil quando ela engravidasse e mais um milhão a cada aniversário da criança.

Obviamente, nada será muito fácil. Uma paixão e um assassinato entrarão na estória. Sem contar Rodart, antiga nêmeses de Griff que parece ter feito um objetivo de vida destruir a vida do ex-jogador e... bem, é melhor parar por aqui.

O enredo, à primeira vista, parece ser impossível demais mas se pensarmos bem, o ser humano é capaz de fazer tanta coisa que eu eu realmente não me surpreenderia se algo parecido estiver ocorrendo neste exato momento. 

Boa parte do livro é escrito sob o ponto de vista de Griff. O que eu mais gostei na construção do personagem é que ele não é, de forma alguma, uma pessoa perfeita, o típico herói romântico. Ele é uma pessoa sozinha, sem amigos (nem mesmo quando ‘estava por cima’, Griff era cercado por amigos), individualista... Griff não tenta esconder suas falhas, ele sabe que era um viciado, não se sente um injustiçado por ter sido preso. O passado de Griff vai sendo desvendado paulatinamente no decorrer da estória e mesmo quando são suas próprias memórias nem tudo é exatamente o que parece. Quando o leitor pensa que sabe tudo sobre Griff e as pessoas que o rodeiam, a autora nos surpreende com uma informação nova.

À princípio, não simpatizei com Laura. Ela me pareceu muito seco, distante demais. Tinha-se a impressão de que ela simplesmente não ligava para tudo aquilo. A primeira cena de sexo entre ela e Griff é tão crua e sem emoção que causa até um certo mal estar. Ela simplesmente está lá e só. Porém, à medida que a estória avança vamos conhecendo mais sobre ela. Em dado momento, ela não chora, exatamente, mas deixa cair uma única lágrima e isso diz muito sobre quem Laura realmente é e o que ela está sentindo. É uma cena simples, mas incrivelmente bonita e bela.

Jogue Sujo está mais para um drama de suspense do que para um suspense romântico. Não diria que não tem romance na estória, mas o lado dramático da estória é mais acentuado, até mesmo mais que o lado policial. Não existe exatamente um mistério, mas sim a finalização de uma situação.

O livro demora um pouco a engrenar mas a partir da metade do mesmo, você se vê incapaz de abandonar a leitura.

Recomendo.

Onde Comprar: Livraria Cultura|Saraiva|


Outras Capas:


Videos:


A autora fala sobre o processo criativo:


A autora fala sobre o livro :


Booktrailer:



Site da Autora: www.sandrabrown.net/

Cotação:

4/5

Reações: