quarta-feira, julho 25, 2012

Renegado, de Diana Palmer


Título Original: Cattleman’s pride
Autor(a): Diana Palmer
Editora: Harlequin
Série: Homens do Texas 27| Irmãos Grier 1
Coleção: HQ Livraria Romance
Gênero: Romance
Sub-Gênero/Assunto: Romance Contemporâneo, Abuso.
Período: Contemporâneo. Jacobsville, Texas.
O chefe de polícia Cash Grier leva a sério sua missão: manter a lei e a ordem nas ruas de Jacobsville, mesmo que para isso tenha de enfrentar políticos influentes e corruptos.
Desde cedo Cash teve de aprender que nada, nem ninguém, deve ser avaliado apenas pela aparência. E quando se trata da encantadora Tippy Moore, o cuidado é redobrado.
Apesar da vida glamourosa como modelo e atriz, Tippy tem traumas profundos, além de ser insegura em relação aos homens.
Quando Cash começa a acreditar que Tippy pode ser a mulher com que sempre sonhou, um terrível acontecimento o torna novamente um homem descrente e amargo. mas ele é desafiado pelo detino para reavaliar seus sentimentos... e salvar o verdadeiro amor de sua vida!



E continuando com o Intensivão da Palmeirão (para saber mais sobre a ordem de leitura: veja este post )...

Para tudo!

Chegamos ao livro de Cash Grier. CASH GRIER. A lenda. Ele já vinha chamando a atenção com uma participaçãozinha aqui, uma menção acolá, mas, foi mesmo em Fora da Lei que o sexy oficial de policia mostrou que não era um “mero coadjuvante”. Aliás, pode-se dizer que Cash praticamente roubou o livro de Judd Dunn.

A felicidade de ler um livro só do Cash!

Então, é claro, que um “só” do Cash é motivo de muita animação, né? O engraçado é que, Cash Grier não é exatamente o meu ideal de beleza masculina. Não gosto de homens com cabelos compridos nem com bigode e cavanhaque. Todavia, Cash tem um magnetismo tão grande que é praticamente impossível não se sentir fisgada por ele.

O problema é que até Cash Grier sofre do mal de protagonista de Diana Palmer. Sim, ele também tem os seus momentos de estupidez!

Por que?! POR QUE, DIANA PALMER?!


Mas ele é o Cash e a gente acaba perdoando, rs!



Para vocês verem como Cash é “dimais di bão”, o livro dele nem é de banca como os outros, mas, sim de livraria! Chicoso demais, não?

A estória de Renegado desenvolve-se quase que simultaneamente com as tramas de Feridas de Amor e A Tentação, porém, eu diria que está mais ligada é com Fora da Lei. Aliás, eu recomendo- e muito- que se leia Fora da Lei antes, pois Renegado não deixa de ser uma continuação do que aconteceu naquele livro.
Renegado conta o reencontro de Cash e Tippy Moore, a atriz que havia participado de uma filmagem no rancho de Judd Dunn no ano anterior. O primeiro contato entre Cash e Tippy havia sido complicado e nenhum dos dois parecia confiar um no outro- fato que modifica com os acontecimentos ocorridos ao final de Fora da Lei.

Quando Cash vai passar o Natal na casa de Tippy, em Nova York, a desculpa é que ele faz isso pelo irmãozinho mais novo dela, Rory, que o considera um herói, mas ambos sabem que não é verdade.

Mesmo sabendo que Cash não quer amarras e nem lhe promete nada, Tippy se entrega de corpo e alma- e os dois parecem viver um momento de sonho. Tudo vai bem, até que- o destino acontece; terríveis acidentes e mentiras e mal-entendidos acabam por separar os dois.

E tudo se torna ainda mais trágico quando ela precisa da ajuda dele, pois seu irmão seu sequestrado, Cash nem aceita ouvi-la!

Cash Grier é o tipo durão com passado obscuro e com segredos terríveis. Ele é um homem bom, mas como todo mocinho de Diana Palmer, tem dificuldades em confiar nas pessoas, principalmente mulheres. E é justamente essa falta de confiança que faz com que ele quase perca Tippy. Essa “desconfiança”, rigidez, pode irritar um pouco, mas Cash sabe assumir os seus erros e mesmo engolir o orgulho se perceber se algo está errado, ou se ele está errado.

De início, se você leu Fora da Lei é um pouco difícil ser simpática em relação à Tippy Moore . Não há como negar que ela foi bem mesquinha naquele livro, porém, quando sabemos mais sobre sua estória e suas motivações é impossível não se sensibilizar. Tippy foi uma personagem que eu aprendi a gostar- não fosse o modo foi retratada no outro livro, penso que seria uma das melhores mocinhas da Titia Palmeirão, uma mistura perfeita de ingenuidade e bravura.

“Não faz diferença, para mim, se você teve meia dúzia de homens, desde que eu seja oúltimo.”

O bom de Renegado é que o livro sai um pouco da fórmula de “maltrata a mocinha e só pede desculpas no final.” Aqui, o que seria o fim de livro é apenas o início para a segunda parte, tornando, assim, a trama bem mais interessante e desenvolvida. Eu só achei que Tippy contou rápido demais sobre sua infância à Cash.

Sei que isso pode parecer piegas, mas, Tippy e Cash são duas almas torturadas que juntas, ajudam-se no processo de cura. Os dois, realmente, se completam; há fogo entre eles. As cenas sensuais são quentes e deliciosamente bem descritas. Não explícito, mas de um erotismo sutil.

Com uma trama que mistura romance, drama e uma pitadinha de aventura, além de ótimo senso de humor, Renegado é uma leitura mais do que recomendada!

A Edição


Infelizmente, chegamos a parte triste da resenha. Não vou falar aqui da revisão ou da edição do livro em si, que estava correta, mas sim da tradução. Primeiramente, nota-se, que a tradutora, Cristina Vaz de Carvalho não leu e nem conhece a série Homens do Texas. Quem é familiarizado com a série sabe que doctor Lou Coltrain é uma mulher. Uma médicA. Um erro que poderia ter sido evitado se a tradutora tivesse entrado em contato com o tradutor de Fora da Lei, ou de qualquer editor da Harlequin, pra falar a verdade!

Mas não fica só nisso. No início, é dito que Cash foi amante de Crissy, assim como Tippy fora amante de Judd. Quem leu Fora da Lei, com certeza fica confuso com essa afirmativa. Acontece que, no original, a palavra usada é smitten que seria algo como encantou-se pela outra pessoa, em uma tradução livre. Jamais amantes.

Outro erro: aqui é mencionado que Blake Kemp defendeu Julie Mitchell. Pelos outros livros sabemos que isso não é verdade. Não posso jurar mas acho que a tradutora confundiu defense (defesa) com defendant (réu).

Esses erros não estragaram a leitura mas macularam o livro. Penso que, se você vai fazer a tradução de um livro que faz parte de uma série deve, ao menos, dar uma olhada nos livros anteriores (nem que fosse só Fora da Lei).

Perdeu meia estrelinha. :(



Menções, Inter- Relações e Outros ’detalhezinhos’ :

Em termos de linha do tempo, as estórias de Renegado, Feridas de Amor e A Tentação do Desejo passam-se, praticamente, simultaneamente, porém, como já foi dito na resenha, Renegado está mais ligado à trama de Fora da Lei.

Calhoum Ballenger O Gosto do Pecado [HT 1]

Garon Grier Homem da Lei : irmão de Cash

Os Irmãos Hart:
- Cash é primo de segundo grau dos Hart

Simon Hart Sempre Te Amei [HT 19]

Callaghan (Cag) Hart As Estações do Amor [HT 20]

Corrigan Hart Coração Desafiado [HT 17]

***
-Blake Kemp Advogado (A Tentação do Desejo)

-Chet Blake: ex-chefe de polícia.

 Micah Steele : Médico residente. O Último Mercenário [Mercenários 6]

 Judd DunnChristabel Gaines: Fora da Lei [HT 24a]

 Matt Caldwell Entregando o Coração [HT 22]

Ebenezer Scott: Aventura Ardente

 Dra. Lou Coltrain: Primavera de Amor [HT 14]

Marcus Carrera: ex-contraventor; conhecido de Cash e de um amigo de Tippy. Desejo Proibido[HT 28]

 Sr.Smith: segurança de Marcus Carrera. Aparece em vários livros.
- Ele era funcionário de Kip Tennisen, antes dela de casar com Cy Harden. Dura Vingança.

Pierce Hutton Uma Vez em Paris [Hutton &Co 1]

Tate Winthrop Rosa de Papel [Hutton & Co 2]

Jordan Powell e Libby Collins Feridas de Amor [HT 27]




Outras Capas:

Eu gosto das capas, principalmente desta última, mas elas dão uma idéia errada sobre o livro. Não é sobre cowboys.

Cotação:

(4.5/5)

Reações: