segunda-feira, novembro 16, 2015

[Resenha] De Repente, o Destino - Susan Fox

“A vida de Theresa Fallon sempre foi cercada de estudo e teses, afinal, ela é o gênio da família e se orgulha disso. Mas o destino... ah, o destino! Voltando da Austrália para o Canadá para o casamento de sua irmã mais nova, Theresa conhece Damien Black, um homem elegante e extremamente sedutor. Apesar de sua personalidade um tanto arrogante negar a atração, existe algo nele que faz com que ela queira se entregar totalmente.
Damien já está cansado de ser assediado por mulheres. Escritor de sucesso e incrivelmente sexy, ele não precisa se esforçar muito na área da conquista feminina. Quando conhece Theresa, o jogo da conquista se torna realmente tentador e ele usará seus dotes para conquistá-la.
Será um longo voo. E nessas horas eles terão tempo suficiente para aproveitar essa brincadeira do destino...".



A literatura erótica vem, normalmente, acompanhada de alguma polêmica ou discussão. Alguns detestam, outros adoram, vários acham que é tudo muito do mesmo. Gostos pessoais a parte, estes não deixam de ter certa razão. Se pensarmos bem, é difícil acharmos- em qualquer gênero literário- algo realmente original, mas nos livros eróticos e/ou sensuais, esta “mesmice” parece ser ainda maior. Quando se fala em um livro erótico/sensual já pensamos que vai ter aquele milionário de sempre e a mocinha inocente. Passa o tempo, mas cansa.

Por isso, é muito bom se deparar com um livro hot que consegue sair, nem que seja um pouco, da mesmice. De Repente, o destino é assim.
No livro não tem milionários, nem mocinhas virgens. E não, a ação não se passa em um escritório, ou empresa qualquer.

Theresa Fallon é uma socióloga/antropóloga canadense que mora na Austrália e vive para seus estudos e suas aulas na faculdade. Depois de ter sido traída (e não da forma como vocês devem estar pensando) por seu ex-marido, ela decidiu que não queria mais nenhum tipo de envolvimento romântico.

Damien Black, por sua vez, é um autor bestseller australiano que, após ter sido eleito um dos solteiros mais sexy da Australia não teve mais sossego.
Ao passo que Thereza quer ter tudo certo e sobre controle, Damien gosta de experimentar coisas novas.

Os dois não se conhecem ( aliás, Thereza é daquelas intelectuais que menosprezam o tipo de literatura que Damien faz: romance policial popular. ) mas acabam por ser companheiros de viagem, vizinhos de poltrona, em longo voo da Australia para o Canadá, com direito à conexão no Havaí.

Theresa está indo para o casamento da irmã mais nova e Damien está prestes a fazer a sua primeira turnê internacional.

Os dois não podiam ser mais diferentes, mas sabe-se lá o que pode acontecer num voo de várias horas, não é mesmo?
A primeira vista pode parecer estranho um livro romântico-sensual se passar, em sua maior parte, dentro de um avião, mas autora soube trabalhar muito bem a questão- e o ambiente.

Theresa ( e nem mesmo Damien) é daquele tipo de mulher que transaria com um estranho num banheiro de avião, mas a história é conduzida de uma forma, que isto se torna “acreditável”. Mais do que uma forte atração sexual, começa a surgir entre Damien e ela um certo companheirismo, empatia mesmo. Semelhanças, até então escondidas, vão surgindo.

O sexo está lá, claro, mas ele faz parte da história. E, além de excitante, não é nem um pouco constrangedor ou vulgar.

Susan Fox conseguiu transformar o que seria algo sem grande emoção ou novidade, em um livro dinâmico e gostos de se ler. Mesmo se tratando de um livro erótico- e que muitos poderiam torcer o nariz- o talento da autora fez muita diferença. Não vou mentir dizendo que os personagens são super profundos e enigmáticos, mas eles são sim desenvolvidos na medida certa. Damien é um descente de aborígenes que ainda não sabe direito como se enquadrar; ao mesmo tempo que ele quer descobrir e respeitar suas origens, existe sim um resquício de preconceito dentro dele. Theresa, por sua vez, é aquele tipo de pessoa que pode ser muito irritante. Incrivelmente controladora, ela não se deixa uma margem de erros. Com isso, ela acaba afastando as pessoas que amam.

É interessante ver que, além do sexo, os dois vão descobrindo coisas em comum- e planos de negócios (não só de vida) vão sendo feitos. Claro que é clichê dizer isso, mas eles vão mudando um ao outro.

Vale ressaltar também que além do romance, a autora nos brinda com um pouco da história dos indígenas/aborígenes da Austrália.

De repente, o destino é uma leitura despretensiosa mas muito interessante. É um livro incrivelmente romântico, com uma roupagem diferente das histórias sensuais de sempre.

Vale a Pena a Leitura!


A Série

De Repente, o Destino é uma série de quatro livros que tem como protagonistas as irmãs Fallon. O ponto em comum é o casamento da mais jovem delas. Cada um dos livros se passa em um meio de transporte.

Livro 1- De repente, O Destino
Livro 2- De repente, o Amor
Livro 3- De repente, o Desejo
Livro 4- De Repente, é ele

Título Original: Sexy Drive
Autor: Susan Fox
Editora: Única
Série De repente- Livro 1
Gênero: Romance Contemporâneo,
Sub-Gênero/Assunto: Erótica, Hot, Viagem , Escritores
Período: Atual. Austrália, Havaí e Canadá
Capa original:


3.5/5

 photo Thais1_zpssfusghrx.gif

Reações: