sábado, julho 11, 2009

A Noiva de MacGregor , de Barbara Dan (BS 135)


Não gostei muito!A Noiva de MacGregor





Título Original: MacGregor's Bride

Autor: Barbara Dan

Editora: Nova Cultural

Colecão: BestSeller 135

Gênero: Romance.

Sub-Gênero/Assunto: Romance Histórico , Casamento de Conveniência

Período: EUA , 1813

Sinopse:
Conecticut, 1813
Muito além da paixão!
Nem mesmo a própria noiva se reconheceria naquela mulher que se encontrava ali, nua como viera ao mundo, fazendo votos nupciais a um homem irresistivelmente charmoso a quem ela mal conhecia! O casamento com Bruce MacGregor era a única maneira de Lydia Masters se livrar da cobrança das dívidas deixadas por seu primeiro marido. Mas até mesmo uma viúva tímida e recatada tem seus limites, e quando Bruce resolveu descobrir até que ponto aquela fachada séria e reservada escondia uma natureza apaixonada, Lydia se sentiu completamente perdida... Poupar Lydia de dívidas não foi

o único motivo que levou Bruce a se casar com ela. Aquela jovem viúva era uma tentação, embora sua beleza se equiparasse à teimosia... Mas Bruce não sobrevivera a batalhas sangrentas para ser dominado por uma mulher, muito menos uma lorinha miúda e delicada. Ele não estava, no entanto, preparado para o forte sentimento que Lydia lhe despertaria, nem para as perigosas aventuras que os separariam, nem para as inimagináveis proezas de que aquela mulher seria capaz para provar a glória de seu amor...



***


Este livro foi uma decepção. A premissa (plot) é até interessante. Contudo me parece que ela se perdeu um pouco ao tentar fazer o livro 'engraçado'. Tudo me pareceu muito corrido e sem sentido. Bruce MacGregor é de certa forma interessante mas não vi nele nenhuma indicação de que ele realmente amava Lydia.E esse, na minha opinião, é a morte em um Romance. Existe um momento/passagem no livro em que Lydia apanha (não entrarei em detalhes para não estragar) e obviamente é salva por Bruce.

Contudo, apesar dela quase ter sido violentada e morta, nenhuma vez ele pergunta se ela está bem. Assim como não há referência a nenhuma marca que o agressor possa ter deixado no corpo dela(?!)

Aliás, Lydia é outro problema. É uma chata. No início até me simpatizei com ela. Me pareceu que ela se tornaria uma personagem bem interessante, com várias nuances. Contudo tive a impressão que a autora quis fazer humor das características dela eisto tornou a personagem insuportável.

Não direi que o livro é péssimo por que seria mentira. Já li livros muito piores e a utora ganhou pontos ao não fazer um desfecho muito apressado (mas também perdeu MUITOS pontos com a ridícula cena do parto). Por isso, dei 2 estrelas (Regular) e aconselho a quiser ler o livro a pedir emprestado a um(a) amigo(a) ou comprar baratinho em um sebo.

Não Gostei Muito

Reações: