quinta-feira, janeiro 19, 2012

Uma Vez em Paris, de Diana Palmer [Hutton & Co 1]

@harlequinbrasil
__________________________

Título Original: Once in Paris
Autor(a): Diana Palmer
Editora:Ed. BestSeller. Nova Cultural, e depois reeditado pela HQ
Série: -Hutton & Co- Livro 1
Coleção: BestSeller 2. Col. Primeiros Sucessos 2 (HQ)
Gênero: Romance Contemporâneo
Sub-Gênero/Assunto: Romance Contemporâneo, Segunda Chance, Aventura, Casamento de Conveniência
Período: Contemporâneo

— Pierce Hutton & Brianne —
Ela o viu pela primeira vez em Paris...
Alto, bonito... e totalmente perigoso. Atraída por Pierce Hutton de modo inexplicável, Brianne Martin o resgatou de mais profunda infelicidade. Para sempre ele seria grato, porém jamais seduziria uma mulher tão jovem quanto Brianne.

E em Paris se apaixonou por ele...
Ainda que Pierce fosse um homem proibido, Brianne não poderia se imaginar nos braços de outro... como o sócio corrupto de seu padrasto. obcecado por ela desde que a conhecera, ele não mediria esforços para tê-la sob seu domínio, e um casamento por conveniência seria o golpe de mestre para unir as duas poderosas famílias. Tudo parecia perdido até Pierce salvar a vida de Brianne... do mesmo modo que ela o salvara...



***




Primeiro livro da Série Hutton & Co, Uma Vez em Paris é uma agradável leitura da tão amada e odiada Diana Palmer. Penso ser essa uma estória ideal para aqueles que não conhecem a autora ou não são muito fãs. Sim, o mocinho casca-dura está aqui, assim como a jovenzinha inocente, mas o grau de ogrice de Pierce Hutton é quase zero se comparado a outros mocinhos da autora. Na verdade, até achei ele bem calmo. Sério!

Como é bem evidenciado na sinopse da Edição publicada pela BestSeller, Tia Palmeirão resolveu fazer, neste livro uma estória mais animada e sensual, misturando romance, aventura, um tiquinho de política e algumas cenas calientes.

Combinando romance, erotismo e aventura, este livro gira em torno da improvável paixão entre uma jovem de dezenove anos e um homem maduro e amargurado. 


Ela é Brianne Martin, americana enviada a um colégio interno na França pelo padrasto; ele é Pierce Hutton, famoso arquiteto inconformado pela morte da mulher. Atraída pela beleza máscula de Hutton, Brianne o aborda no Museu do Louvre, mas é recebida com frieza e desdém; o destino os coloca novamente face a face poucos dias depois; aos poucos, a doçura da garota acaba por comovê-lo.


 A relação se estreita, mas ele se divide entre o desejo e a culpa, a paixão e o medo, até que uma nova e dramática situação de coloca: para livrar-se da bancarrota, o padrasto de Brianne tenta forçá-la a casar-se com um milionário conhecido por suas excêntricas preferências sexuais. Para salvá-la, Hutton propõe um casamento secreto, em Las Vegas -- um palno ousado que, longe de trazer tranqüilidade ao casal, acaba por levá-lo às montanhas inóspitas do oriente Médio, no coração de uma intrincada trama política e policial. 
O perigo, contudo, não basta para dissipar os temores de Hutton nem para enfraquecer o amor de Brianne, que permanece disposta a arriscar tudo para oferecer um futuro àquele homem tragicamente ancorado ao passado
                                                                                                    - Sinopse Edição Editora BestSeller

Diana Palmer até tenta no quesito aventura mas em alguns momentos, devo confessor que as cenas de ação são quase risíveis; um verdadeiro samba do árabe doido. A parte em que Brianne consola o seu algoz beiro ao ridículo. Mas o que interessa aqui não é a parte de ação (que apesar de fraca, dá um tempero à trama), mas sim a relação entre Pierce e Brianne. O romance é o que importa. E que romance!

A base Palmeriana está presente: homem mais velho que não quer saber de relacionamentos se envolve jovem ingênua e muito romântica. Porém, a estória tem seus diferenciais. Pierce Hutton não quer se envolver com a jovem Brianne não por não acreditar no amor, mas sim por que ele simplesmente não consegue esquecer-se da falecida esposa. É um homem amargurado, solitário que segue apenas sobrevivendo. A entrada de Brianne em sua vida é um banho de luz, de alegria, porém ele está centrado na própria dor que não consegue enxergar isso. Até que seja muito tarde. Obviamente, ele tem os seus momentos quase-ogro e comete gafes, por assim dizer imperdoáveis, como chamar Brianne pelo nome da esposa em um momento íntimo, mas, não há como não se compadecer dele.


“(...) se sentia um traidor, um adúltero. Margo estava morta e ele, vivo. Percebeu que teria que enfrentar o futuro, mas não era capaz no momento (...)”

Se por um lado eu gostei bastante de Pierce, não posso dizer o mesmo de Brianne. Não que eu a tenha detestado porém, a achei meio chatinha, tonta demais. E fala sério, não dá pra ter respeito com quem usa saião com pochete (!!!) , né?

Para quem leu a versão Nova Cultural (não sei dizer sobre a da Editora BestSeller) e achou o livro um pouco morninho demais, leia essa verão da Harlequin. Além da tradução está muito melhor, as cenas de sexo estão presentes, sem cortes e edições. E lhes digo, as cenas são muito boas. Quentes e românticas!

O livro ainda trata de questões ecológicas, assunto muito em voga atualmente. É interessante (e louvável) notar a preocupação da autora em falar sobre a necessidade de cuidado na construção de plataformas petrolíferas.

“Não dispunham de muito tempo. Portanto não ousaria amá-la devagar, embora essa fosse sua vontade.”

“Ficaram deitados, imóveis por bastante tempo. Não queria se separar dela. Queria ficar naqueles braços delicados.”


Em suma, Uma Vez em Paris, é um livro romântico e divertido, permeado com doses de aventura.

Recomendo.

Inter- Relações e Outros ’detalhezinhos’ :

• Phillipe Sabon será o protagonista de Lorde do Deserto [Hutton & Co 3]
• Tate Winthrop é o protagonist de Rosa de Papel [Hutton $ Co 2]
• Colby Lane é outro que (re) aparecerá em várias outras estórias da autora. A estória dele é contada em Forasteiro [Hutton $ Co 6]


A Série
Huuton & Co é uma série dentro do “Universo Homens do Texas”. Recomenda-se ler os livros na ordem certa, pois as estórias são seqüenciais.

Livro 1- Uma Vez em Paris; (Pierce Hutton & Brianne Martin)
Livro 2- Rosa de Papel; (Tate Winthrope & Cecily Blake)
Livro 3- Lorde do Deserto; (Phillipe Sabbone & Gretchen Brannon)
Livro 4- A Última Chance; (Marc Brannon & Josette Langley)- editado pela Nova Cultural. Não existe uma reedição da HQ
Livro 5- Agonia e Êxtase; (Cord Romero & Maggie Barton)- editado pela Nova Cultural. Não existe uma reedição da HQ
Livro 6- Forasteiro; (Colby Lane & Sarina Carrington)

Quer saber aonde a série Hutton & Co “se encaixa” em Homens do Texas? Dê uma olhadinha neste post  É a ordem de Leitura do Universo Homens do Texas/ Jacobsville. :)




Outras Capas:



Cotação:

(4/5)



Share |

Reações: