quinta-feira, março 19, 2015

[Resenha] Apenas Você - Michelle Celmer

Havia chegado o momento de dar o passo decisivo. Até então, Adam Blair conduzira seus negócios mantendo o equilíbrio, apesar da viuvez. Agora, seu desejo era encontrar a mulher certa que geraria seu herdeiro. Quando Katy Huntly, sua ex-cunhada, descobriu seus planos, propôs ser a mãe da criança. A sugestão deveria ser considerada… porém, apenas no papel. Adam sempre sentira uma certa atração por Katy, e seus sentimentos por ela aumentavam a medida em que ficavam mais próximos. Mas não havia espaço para o amor em sua agenda. Como a relação poderia progredir por mais de nove meses?




Um livrinho bem simpático.

É engraçado como alguns livros conseguem fazer uma história totalmente rocambolesca transformar-se em algo interessante. Não sei o que as autoras de livrinhos (estilo Paixão, Desejo) veem no casamento por conveniência e nos bebês, mas volta e meia eis essa duplinha marcando presença nas histórias. E sempre com um milionário por perto.
Algumas- muitas- vezes cansa, mas também podem vir a ser deliciosas surpresas, e escapes da vida real. Viva o clichê, minha gente!

Apenas Você não tem exatamente uma história original. Sim, no livro nós encontramos a mocinha, uma proposta de casamento “nada a ver”, a necessidade de um herdeiro e, claro, o milionário bonitão. Mas, sabe, apesar do combo “clichê”, o livro tem os seus diferenciais. É a velha história do “algo a mais”.

Adam Blair, o milionário bonitão da vez, quer (precisa!) de um herdeiro. O problema é que ele é viúvo e (bem, na verdade, ser viúvo não o impede de ser pai, mas ele é um homem família, gente! ) e sem a menor vontade de mudar esse status. Assim sendo, ele decide usar embriões que ele tem congelado. A mãe do bebê pouco importava e...

Epa! Epa! Como assim a mãe do bebê pouco importava?! É nesse momento que entra em cena Katy, irmã da falecida esposa de Adam. Katy não gosta nada dessa história de “bebê de mãe qualquer” e se é para alguém “gerar” esses embriões que fosse ela!
Acho que não preciso dizer aonde esta história vai parar, não é mesmo?

Além de uma trama que consegue sair um pouco do óbvio, Apenas Você possui personagens interessantes e cativantes. Diferentemente do que costuma acontecer em histórias do gênero, Katy é uma mocinha ótima; decidida e forte. Sem essa de ser toda lesa e cheia de nhenhenhem. Além disso, a interação do casal é ótima; os dois tem muita química.

O livro, como um todo, é uma delícia. Apenas o final eu achei um pouco corrido e senti que sobraram algumas pontas soltas.

De qualquer modo, se você quer uma leitura leve, ótima para passar o tempo ( e não nervoso!), Apenas Você é uma ótima pedida.
Vale a Pena leitura!



Título Original: The Tyconn’s paternity agenda
Autor: Michelle Celmer
Editora: Harlequin
Coleção: HQ Desejo

Gênero: Romance de banca
Sub-Gênero/Assunto: Romance Contemporâneo, Casamento por Conveniência, Milionários
Período: Atual. EUA.
Capa Original:



4/5

Reações: