sexta-feira, março 25, 2011

Álibi, de Christiane Heggan (Suspense Romântico)

Título Original: Trust No one
Autor: Christiane Heggan
Editora: Harlequin Books
Colecão:Livraria-Suspense Romântico
Gênero: Suspense Romântico
Temas: Crime & Mistério, Família, Terrorismo, Abuso, Segunda Chance
Período: Atual
Julia Bradshaw tinha todos os motivos para odiar seu ex-marido, mas jamais o mataria a sangue frio. Apesar disso, ela é a principal suspeita pela morte de Paul Bradshaw, e mais difícil do que apresentar um álibi que possa inocentá-la, é fazer com que os fatos não sejam mal interpretados.



Da contra-capa:

Há oito anos, uma mulher foi morta em um atentado terrorista. Agora, um político influente é brutalmente assassinado, ao mesmo tempo em que um velho morre em um estranho acidente.

De alguma forma essas mortes são peças do mesmo quebra-cabeça. E prejudicam a vida de uma mulher.


Julia Bradshaw tinha todos os motivos para odiar seu ex-marido, mas jamais o mataria a sangue frio. Mas ela não o matou a sangue-frio. Tida como principal suspeita da morte do conselheiro Paul Bradshaw, Júlia está envolvida em algo mais do que evidências mal-interpretadas.

Quando o repórter Steve Reyes chega em Monterey para investigar o assassinato, Julia percebe que existe um motivo perverso ligado à morte de Paul. E talvez esteja relacionado aos terroristas irlandeses do Gleic Éire- um grupo bastante conhecido de Steve.

Julia tenta deseperadamente juntar todas as peças desse quebra-cabeça. E ela depende de apenas um homem. Ainda que não seja prudente confiar em ninguém.

Romance provocante e polêmico, Álibi apresenta personagens marcantes e ritmo alucionante.




Ótima estória de suspense.

O livro começa um pouco devagar mas aos poucos vai envolvendo o leitor de tal forma que você se vê quase que incapaz de largar a leitura.

A trama é bem intricada, muito bem elaborada. De início, temos quase certeza de quem seja o culpado; a identidade do vilão parece quase que óbvia, mas, ao passar das páginas, percebemos que este livro é tudo menos óbvio. Nem tudo é o que parece.

O Romance e os Protagonistas

Apesar da autora centralizar mais a estória no lado policial, a parte romântica do livro não deixa a desejar. A relação entre o casal de protagonistas, Steve e Julia, é bem descrita- e o mais importante, os dois têm química, o que nos faz torcer por um final feliz.

Julia é uma pessoa centrada e séria mas, apesar de tudo o que passou (e continua passando) não é uma pessoa amarga.

Steve é o charme em pessoa. Do tipo tudo de ‘bão’ mesmo. Bonito, charmoso, inteligente, ótimo com crianças... Seria perfeito se ele não escondesse um grande segredo de Júlia. Segredo esse capaz de mudar para sempre a relação entre os dois.

A cenas de sexo são bem escritas e não apelativas.

*

O livro mistura suspense, romance e um pouco de política sem soar chato ou panfletário.

Um único defeito, eu diria, é que algumas situações são resolvidas um pouco rápido demais para a solução ser considerada crível.

De qualquer maneira, é um ótimo livro. Ideal para quem gosta de uma boa estória de suspense com toques de romance.

A Edição

• Apesar de alguns erros de grafia (não muito gritantes mas existentes) a edição é bem cuidada. Contém orelha.

• Não confundir com o livro de mesmo nome, de Sandra Brown (leia minha resenha AQUI . Aliás, não sei por que deram o nome de Álibi para este livro de Christiane Heggan. Além de não ter nada a ver com o título original (Trust No One- algo como ‘Não Confie em Ninguém) não condiz em nada com o que acontece no livro.

• A Harlequin (e outras editoras também) deveriam lançar mais livros do Gênero.


Outras Capas

**

Cotação:

4/5

Reações: