segunda-feira, outubro 31, 2011

Romance Impossível, de Diana Palmer


Título Original: Eye of the tiger
Autor: Diana Palmer
Editora: Nova Cultural, reeditado pela Harlequin.
Gênero: Romance Contemporâneo
Coleção: Diana Palmer Ed. Colecionador (NC) e Col. Primeiros Sucessos 16 (HQ)
Sub-Gênero/Assunto: Romance de Banca, Segunda Chance, Country, vingança
Período: Interior dos EUA


Quatro anos atrás, Eleanor Whitman se apaixonou perdidamente por Keegan Taber, a ponto de se deixar seduzir para depois descobrir que ele tinha uma noiva! Depois, Keegan declarou seu amor, dizendo que Eleanor era a única mulher que sempre desejara. Porém, era muito tarde, pois agora estava comprometida com Wade. Na verdade, ele era apenas um bom amigo. Mas Keegan não precisava saber desse pequeno detalhe tão cedo…





Sinopse antiga (e que, tipo assim, conta o final do livro, né?)
Eleanor debate-se entre os braços de Keegan, que se apodera de seus lábios num beijo sedutor. "Nada mudou, querida", ele lhe diz ao ouvido, com a voz rouca de emoção. "Você ainda me ama!" Em vão, Eleanor quer deter-lhe as mãos ousadas, que contra sua vontade, lhe deixam o corpo em brasa. Como é possível que o deseje tanto, depois de quatro longos anos tentando sufocar esse amor?


Gostaria de ler Diana Palmer mas não gosta de seus mocinhos truculentos? Cansada de mercenários e cowboys grosseirões? Não tem mais paciência com mocinhas bobalhonas? Seus problemas acabaram! Romance Impossível é pra dizer, no mínimo, um livro diferente daquelas q que estamos acostumados a ver sob a assinatura de Tia Palmeirão.
Nesta estória, escrita e passada, em meados dos anos 80, é a mocinha quem dá as cartas e o mocinho quem faz tudo para ser perdoado.

Eleanor estava apenas com 18 anos quando faz sexo com Keegan, o filho do dona da fazenda onde o pai dela trabalha e ela mora. A jovem estava completamente apaixonada pelo filho do patrão de seu pai, porém, quando descobre que o rapaz já estava comprometido com outra e apenas a usou para fazer ciúmes a tal, sente-se traída e usada e resolve sair da cidade e ir estudar enfermagem.

Quatro anos depois, já formada, Eleanor ainda ama Keegan, mas tenta fazer de tudo para esquecê-lo. Ele, por sua vez, percebe o erro que cometeu e pior (ou melhor, dependendo do ponto de vista), descobre-se apaixonado pela jovem.
O livro é basicamente isso: Eleanor ‘fingindo’ que não o ama e mais, querendo que ele sofra. E Keenan, fazendo de tudo para conseguir o perdão da jovem e reconquistar seu coração. É isso mesmo, é um livro da Tia Palmeirão ‘ao contrário’. Aqui, é a mocinha que não quer saber de homens ou casamento.

Não foi o melhor livro de Diana Palmer que eu já li, mas não deixou de ser interessante, ler uma estória da autora com ‘tonalidades diferentes’ do usual. Pessoalmente, achei que faltou algo, alguma coisa que tornaria a estória ‘incrível’.

É o tipo de livro que se lê rapidamente, em uma tarde, mas, não é apressado. A linguagem é bem simples e acessível, porém, abusa um pouco de algumas palavras e expressões, que soam um tanto estranhas e extremamente datadas como encontro quente, caso louco, etc.

Como pode-se perceber a estória é bem simples e a interação do casal protagonista é boa. É interessante ver uma mocinha DP preocupada com a carreira e nem um pouco disposta a perdoar ou levar desaforo pra casa- assim como é estimulante ver um cowboy durão sofrendo de amor. Podem me chamar de má, mas eu gosto de ver um machão sofrendo, rs. E o bixinho sofre, coitado! Apenas acho que se fosse a vida real, eu penso que Eleanor ficou tempo demais remoendo o passado- e o melhor teria sido partir pra outra. Maaas, é romance, bebê!

Uma boa leitura, com pitadas de cenas calientes (não é um livro hot, mas tem seus momentos). Ah, e o mocinho é ruivo! :D

Quem é fã da autora vai gostar e quem não é, poderá se surpreender.



Outras Capas:

Sem comentários, né? A capa da Harlequin não é só um pouco melhor. É anos-luz melhor! Detalhe para o 'mullet' do mocinho na versão original! 



Extras:
Site da autora: dianapalmer.com

Ordem de Leitura das Obras de Diana Palmer (Universo Homens do Texas)


Cotação:
4 / 5

Reações: